Equivocou-se Hubbert?

Debate xeral acerca do Teito do petróleo e cuestións relacionadas, as consecuencias e características do colapso da civilización industrial, etc.

Equivocou-se Hubbert?

Mensaxepor ramomflores » 07 Mai 2015, 20:42

Em 5 de Maio de 2014, Oscar Pazos deixou a seguinte mensagem na página Que é o teito do petróleo?

  • Os rexistros históricos de producción de petróleo non se axustan a unha única curva exponencial (crecente e decrecente)
  • A teoría do peak-crash de Hubbert susténtase na hipótese dunha soa curva de producción exponencial (crecente e decrecente)
  • Hubbert anunicóu o peak mundial para 1995, e estamos xa no 2015. Non houbo peak oil. O e questá a pasar é diferente do que prevíu.
  • Debéramos xa estar no crash, pero o que temos é sobreoferta de crú.
Estes son os feitos. Agora as interpretacóns que queirades, pero, por favor, a partindo dos feitos.
ramomflores
Socio/a
Socio/a
 
Mensaxes: 18
Rexistrado: 04 Mar 2014, 11:39

Re: Equivocou-se Hubbert?

Mensaxepor ramomflores » 07 Mai 2015, 21:59

  • Os rexistros históricos de producción de petróleo non se axustan a unha única curva exponencial (crecente e decrecente)
  • A teoría do peak-crash de Hubbert susténtase na hipótese dunha soa curva de producción exponencial (crecente e decrecente)

A forma exacta da curva nom tem especial relevo, sempre que haja umha zona de subida e outra de baixada. Hubbert ajustou umha série de dados experimentais a umha curva simples, como sei fai usualmente nas mais diversas ciências. E como em qualquer trabalho experimental as medidas nom quadram exactamente com a curva. Neste caso particular, além dos parâmetros geológicos, há factores políticos de importância: o embargo de petróleo dos países árabes em 1973 e a revoluçom iraniana em 1979. O próprio Hubbert, que no seu trabalho original dizia claramente: a produçom de petróleo atingirá o seu máximo em 1995, se as tendências actuais continuam, comentou que o pico ia se demorar um pouco devido ao embargo de 1973.

Hubbert anunciou o peak mundial para 1995, e estamos xa no 2015. Non houbo peak oil. O e que está a pasar é diferente do que prevíu.

Hubbert nom era um profeta/adivinho senom um científico. A sua prediçom era válida se se as tendências do momento continuavam. Como houvo variaçom dessas tendências, o pico nom chegou em 1995 senom 10 anos mais tarde. Cumpre salientar que em ciência é normal que alguém faga umha primeira aproximaçom e logo essa primeira aproximaçom seja aprimorada, sem que por isso suponha um cisma. Neste caso umha actualizaçom do trabalho de Hubbert foi o artigo The end of cheap oil, de Campbell e Laherrère, onde calculavam que o pico se daria entre 2005 e 2010.

O pico do petróleo convencional --o que predixérom Hubbert, Campbell e Laherrèrre--, já se deu. O que nom se deu ainda é o pico dos hidrocarburos líquidos. Nos últimos anos, devido a relativa escasseza do petróleo convencional, começárom-se a extrair novos hidrocarburos líquidos, com umha energia neta consideravelmente menor e mais poluentes como as areias bituminosas e os petróleo de xistos (fracking). Além disso também se incluem dentro dos hidrocarburos líquidos os condensados procedentes do gás natural. Evidentemente ao ampliar a definiçom de petróleo aumentam as reservas e adia-se o pico.

No caso das areias bituminosas, para extraer delas petróleo utilizam-se quantidades consideráveis de gás natural, de maneira que em realidade é umha mistura petróleo-gás natural. Quanto aos condensados procedentes do gás natural nem na origem, nem no resultado som propriamente petróleo.

Finalmente boa parte dos especialistas, incluindo neles a Campbell e Laherrère mais que dum pico, bem afiado, falam dumha planalto ondulante.

Debéramos xa estar no crash, pero o que temos é sobreoferta de crú.

Mas que sobreoferta de crú o que existe é umha crise económica mundial, que fai com que a demanda nom cresça. Em todo caso era esperável que o pico do petróleo vinhera acompanhado dumha volatilidade nos preços.
ramomflores
Socio/a
Socio/a
 
Mensaxes: 18
Rexistrado: 04 Mar 2014, 11:39


Volver a Debate acerca do Peak Oil etc.

Quen está en liña

Usuarios navegando neste foro: Ningún usuario rexistrado e 1 convidados

cron